28 de maio de 2001

0

ANA CAROLINA- Uma voz de fibra

Posted in

Mesmo se recuperando de um acidente de carro que a levou à UTI, a cantora mantém show no Rio, sobe ao palco de muletas e é dona da música mais tocada nas rádios

Desde o início do mês, a música “Quem de Nós Dois” ocupa o
primeiro lugar nas rádios.


Dona de uma voz grave e potente, Ana

Carolina tem mania de vestir roupas pelo avesso

No sábado 5, a cantora Ana Carolina, 26 anos, pareceu ter acordado de um pesadelo. Com a perna esquerda imobilizada por causa da fratura na tíbia que sofreu ao bater o carro – um Mercedes Classe A que se chocou com um poste na Avenida das Américas, na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio, na terça-feira 1º – , ela revelou a sua mãe, Maria Aparecida de Souza, que estava pronta para ensaiar no dia seguinte. Pela primeira vez desde o acidente, que a deixou na UTI por um dia e lhe custou um corte na cabeça, Ana Carolina demonstrou vontade de continuar sua rotina e até deu gargalhadas. Apesar de não se lembrar do momento em que, cansada após um ensaio, perdeu o controle do carro, ela disse que o acidente foi um choque em sua vida. “Quero cuidar mais de mim agora.” Depois de ter cancelado a estréia do show de seu novo CD Ana Rita Joana Iracema Carolina em Belo Horizonte, a cantora chega dia 17 ao Canecão, no Rio, numa cadeira de rodas, e sobe aos palcos de muletas para estrear seu show.

Desde que recebeu alta do hospital Barra D’Or e foi para casa, no Recreio dos Bandeirantes, seu celular não pára. Recebeu telefonemas de Adriana Calcanhoto e Daniela Mercury, preocupadas com seu estado de saúde. Após lançar seu primeiro álbum, Ana Carolina, que vendeu 100 mil cópias, ela se tornou a queridinha de bambas como João Bosco, Rita Lee e Marina Lima. Em dois anos de carreira, viu ídolos que ouviu na vitrola durante a adolescência tornarem-se seus admiradores. A prova maior de seu prestígio: um telefonema do produtor de Chico, Almir Chediak, dizendo que o compositor exigia que duas músicas de seu song book fossem gravadas por ela. No jantar que reuniu os cantores da trilha do filme Amores Possíveis, Ana Carolina ficou frente a frente com Chico Buarque, seu maior ídolo. Trêmula, só conseguiu pronunciar o nome de seu novo CD, Ana Rita Joana Iracema Carolina. Chico sorriu. Percebeu que o título eram os nomes das mulheres cantadas por ele em suas músicas.
Lançado há um mês, o novo álbum já vendeu mais de 100 mil cópias. Está em primeiro lugar

“Acho que já consegui
me diferenciar de Zélia Duncan
e Cássia Eller’’ Ana Carolina 
em São Paulo e só perde para o último CD da Legião Urbana na lista dos mais vendidos no Rio. Desde o início do mês, a música “Quem de Nós Dois”, da trilha da novela Um Anjo Caiu do Céu, ocupa o primeiro lugar nas rádios. “Não esperava esse reconhecimento todo”, diz. Além da voz grave e potente, Ana Carolina é a única mulher no showbizz a tocar pandeiro. E aprendeu sozinha, aos 19 anos, assim como o violão e a guitarra. O ouvido foi apurado desde pequena. De família de músicos – sua avó cantava em rádio e seus tios-avós tocavam violino, cello, piano e percussão –, ela sempre soube seu destino, apesar de ter cursado Letras até o sexto período em Juiz de Fora. Nessa época, já se apresentava como cantora em barzinhos. Não demorou a ser convidada para cumprir uma temporada de shows no Teatro Municipal da cidade. Pediu ajuda a uma amiga, que indicou a atriz Zezé Motta para produzir o espetáculo. “Ela estava um pouco insegura porque o ambiente era formal. Mas encontrei uma cantora pronta”, lembra Zezé, que também assinou a produção do segundo show de Ana Carolina, ainda em Minas. “Na terceira vez em que me convidou, disse que só aceitaria se ela se apresentasse no Rio. Ela topou e sua carreira deslanchou.”

FUMAR CHARUTO Na infância, a cantora passava o dia no salão de cabeleireiro da mãe e fazia do rolo de cabelo seu microfone. Hoje, Ana Carolina freqüenta salões de beleza quase toda semana. “Sou muito vaidosa, esse é um de meus piores defeitos”, assume. Em relação à roupas, nem tanto. Uma de suas manias é vestir tudo pelo lado do avesso. Certa vez, ao entrar numa loja de grife levou a vendedora ao desespero ao sair de lá com um casaco caríssimo vestido ao contrário. “Já tive várias brigas com a minha mãe por causa disso”, diz.

A personalidade forte de Ana Carolina também se revela em sua casa, no Recreio dos Bandeirantes, zona oeste do Rio. A sala costuma ficar suja de respingos das pichações que a cantora faz quando pinta. Fumar charutos é outro hobby. “Só não posso fumar muito para não afetar minha garganta.” Ana Carolina não gosta de comparações. Com o timbre parecido com o de Cássia Eller e Zélia Duncan, ela põe panos quentes se o assunto é a semelhança musical. “Acho que já consegui me diferenciar delas. Ao mesmo tempo, fico honrada de saber que estou no mesmo patamar”, diz. Não age, porém, com a mesma desenvoltura ao falar sobre sua vida pessoal. Questionada sobre cantoras da MPB que assumem a opção homossexual, ela reage: “Você vai me perguntar se sou gay?”. Diante da afirmativa, ela devolve secamente: “Não gosto de falar sobre minha vida pessoal. Sou tímida”.

Fonte: IstoÉ

0 comentários:

Comenta..vai!

20 de maio de 2001

0

Ana Carolina e Daniela Mercury cantam juntas

Posted in
Ana Carolina convidou Daniela Mercury para fazer uma participação especial no show que apresenta no dia 3 de junho, no Rock in Rio Café, em Salvador. A rainha do axé music, que está na capital baiana para fazer a pré-produção de seu novo álbum, não pensou duas vezes e aceitou de imediato o convite de Ana Carolina. Quem está trazendo essa apresentação para a cidade é Cristiano Rangel, noivo da atriz e apresentadora Luana Piovani.


Fonte: O Dia


0 comentários:

Comenta..vai!

0

Ana Carolina canta Carlinhos Vergueiro

Posted in
Ana Carolina ligou para Carlinhos Vergueiro pedindo para que ele a ensinasse a cantar Protocolo, um de seus maiores sucessos. Carlinhos, que promete prestigiar os próximos shows da colega, ficou lisonjeado com a homenagem.




Fonte: O Globo

0 comentários:

Comenta..vai!

19 de maio de 2001

0

METRÔ DO RIO TERÁ SHOWS DE BAMBAS DA MPB

Posted in
Lenine, Zélia Duncan, Alceu Valença, Dominguinhos, Beth Carvalho e Ana Carolina são alguns bambas da MPB que vão se apresentar na estação Carioca do Metrô do Rio, no projeto "Estação da Música". O evento gratuito - que chega à sua terceira edição - acontecerá sempre nas duas últimas quartas-feiras de cada mês (começa na semana que vem), a partir das 12h30m.




Fonte: O Dia

0 comentários:

Comenta..vai!

18 de maio de 2001

0

Um banquinho e um vozeirão

Posted in

Mesmo se recuperando de um acidente de carro, a cantora Ana Carolina se apresenta no Canecão neste fim de semana. No repertório, músicas do elogiado CD Ana Rita Joana Iracema e Carolina.

Ela é tímida, mas não quando está cantando. Dona de uma voz forte e afinada, Ana Carolina conquistou uma coleção de elogios da crítica desde que começou. "A garganta mais afiada da MPB", "Jóia rara", "A voz que encantou Chico" são alguns dos elogios que circulam na imprensa especializada.
Chico Buarque, aliás, é um amor à parte. "Um é fã do outro", se derrama a cantora. Mesmo assim, quando está ao lado do seu ídolo, Ana ainda treme de emoção. "Receber um elogio dele é como receber a Cruz de Malta depois de cruzar o oceano".
João Bosco é outro que não dispensa elogios. "A primeira vez que ouvi sua voz fiquei maravilhado", disse recentemente o cantor, que convidou Ana Carolina para gravar o reggae Mama palavra (do CD Na esquina ao vivo).

Aos 26 anos e já no segundo disco, Ana Rita Joana Iracema e Carolina, a cantora e compositora tem suas canções executadas nas rádios do Brasil, cerca de 500 vezes ao dia. O disco também é um estouro em vendas: 100 mil cópias em apenas duas semanas. E além disso já começa a fazer grande sucesso em Portugal.
No novo trabalho, a mineira canta diversas facetas do universo feminino - fragilidades, medos, rancores, paixões e alegrias das diversas "Anas", "Joanas", "Iracemas" e todas as outras mulheres são o ingrediente principal das composições. O álbum ainda traz uma participação especial da Alcione na música Violão e voz e uma regravação de Pra terminar, de Herbert Vianna.

Quem quiser conferir o talento da moça e os sucessos que encantam o público, não pode deixar de assitir ao show que a cantora está fazendo no Canecão nos dias 18, 19 e 20 de maio.

Ana Carolina se apresentará sentada por causa da fratura na tíbia, causada pelo acidente que sofreu no dia 1º de maio. E garante que está bem para cantar. "A produção, não queria que eu fizesse as apresentações, mas bati o pé", disse com sua personalidade forte. "Cantar é uma terapia, é o que gosto de fazer".
"Os fãs podem ficar despreocupados. Parte da minha cabeça está raspada, mas nem vai dar para perceber". Os fãs certamente nem estão preocupados com isso. O bom mesmo é ouvir sua voz. Entre as músicas, Ana irá acrescentar alguns textos para "costurar o espetáculo".

Fonte: ALEXANDRE FONTOURA

0 comentários:

Comenta..vai!

0

Canecão lotado aplaude a estréia da cantora

Posted in


"Vestida com roupas largas, sentada e com os longos cabelos ruivos e cacheados em destaque, a cantora Ana Carolina lembrava Luís XIV, o Rei Sol, ao comandar a massa que foi, anteontem, ao Canecão prestigiar a estréia de seu novo show, "Ana Rita Joana Iracema e Carolina". Em pouco mais de uma hora e meia, a cantora mineira - que permaneceu sentada devido a uma contusão em seu joelho esquerdo, causada por um acidente de carro - mostrou firmeza na voz em sucessos de seu primeiro disco e canções do segundo.

O show começou, com mais de uma hora de atraso, com o palco escuro e uma imensa foto da cantora, tirada da capa do disco, no centro do palco. Aos primeiros versos de "Dadivosa", a foto foi retirada, revelando Ana Carolina, sentada com o microfone nas mãos. Dos dois lados do palco estavam os músicos de maior destaque na banda, o baixista (produtor e diretor musical do show) Dunga à esquerda e o percussionista Da Lua à direita. Após o sample de Maria Bethânia que adorna a canção, Ana pegou um megafone e lembrou diversos nomes de mulheres. Além dos que dão nome ao disco, vários outros estavam escritos pelo cenário. Seguiu-se "Ela é bamba", no tom percussivo que embala as melhores composições da cantora, e o primeiro comentário jocoso a respeito da perna machucada:

- Vocês sabem porque eu estou assim, não é lipo.







Para manter o embalo, emendou dois dos sucessos de seu primeiro disco, "Trancado" e "Garganta", esta em uma versão mais marcada e pesada, que arrancou urros dos espectadores mais animados. A partir daí, o show foi marcado pelas novas canções, como "Que será" (o velho sucesso de autoria de Marino Pinto e Mário Rossi), "Joana", "A câmera que filma os dias" e "Eu nunca te amei idiota".

Ela também mostrou habilidade no pandeiro, principalmente no bis, que começou com "Escurinha", de Geraldo Pereira, emendada com "Armazém", uma das melhores canções de seu CD de estréia. Ela só não foi tão feliz ao repetir a chatinha "Quem de nós dois" no encerramento, na tradicional campanha pela venda do disco, como se a televisão já não martelasse o refrão dúzias de vezes por dia."

Fonte: O Globo

0 comentários:

Comenta..vai!

5 de maio de 2001

0

NOVO CD DE ANA CAROLINA JÁ É DISCO DE OURO

Posted in

Já bateu a marca de 100 mil cópias vendidas (disco de ouro) o novo CD da cantora Ana Carolina, Ana Rita Joana Iracema e Carolina, lançado em abril.

Graças ao sucesso de Quem de Nós Dois, versão de uma música italiana que vem tendo uma média de 500 execuções em rádio, por dia, no país todo.




Fonte: O Dia

0 comentários:

Comenta..vai!

3 de maio de 2001

0

Ana Carolina fala sobre seu acidente

Posted in

Ana após acordar dos sedativos e saborear a janta do hospital diz um tanto assustada e aliviada:

"Nossa esse foi meu maior susto ! É ... posso dizer que nasci de novo ! "

"Já estou pronta pra outra ! Eu já até me dei alta ! O problema é sair daqui ..."

Sobre a fratura na Tíbia,  brinca:
"Ainda bem que foi lá pra baixo... sendo assim ... dá pra tocar pandeiro!"

Fonte: O Dia

0 comentários:

Comenta..vai!

2 de maio de 2001

0

Ana Carolina sofre acidente de carro no Rio

Posted in

A cantora Ana Carolina sofreu um acidente com seu carro, no Rio, por volta das cinco da manhã de ontem, na Av. das Américas, quando saia da casa de Paulinho Moska no Leblon em direção a sua casa na Barra da Tijuca. A cantora chegou ao hospital ás 6h45, levada por uma ambulância do Corpo de Bombeiros. Estava lúcida, com um corte no couro cabeludo e escoriações superficiais na face e nos membros superiores. Após avaliação pela equipe de emergência, foi realizada investigação por tomografia computadorizada que não revelou lesões intracranianas, torácica, abdominais ou pélvicas. Depois disso, a cantora foi transferida para uma UTI onde ficou em observação. Ela já está no quarto e passa bem. No entanto, o show de lançamento da turnê nacional de seu novo CD, Ana Rita Joana Iracema e Carolina , que estava previsto para o próximo dia 9, no Palácio das Artes em Belo Horizonte, foi adiado.

Fonte: Clique Music

0 comentários:

Comenta..vai!

“Eu respeito muito a música e ela me dá isso de volta...”- Ana Carolina